DESABAMENTO DO COMPLEXO DE FÁBRICAS TÊXTEIS EM BANGLADESH GEROU UM NOVO MOVIMENTO NA MODA

MOVIMENTO FASHION REVOLUTION surgiu devido ao desabamento do prédio Rana Plaza, em Dhaka, Bangladesh.

No dia 24 de abril de 2013, um prédio de 8 pisos que abrigava fábricas de confecção desabou, dando origem mais de 1.000 mortos e 2.500 feridos.

A maioria eram trabalhadores de confecções que forneciam para grandes marcas globais do varejo como Primark, H&M, Walmart e GAP.

Prédio Rana Plaza, em Dhaka, Bangladesh.

As condições de trabalho eram desumanas, iam desde a péssima infraestrutura do prédio até as longas jornadas de trabalho para produzir toneladas de roupas, alimentando o consumo desenfreado, a produção de lixo e a falta de consciência.

Com este marco de tragédia, a moda começou a ser fortemente questionada. Após 1 ano do ocorrido, um protesto durante a Semana de Moda de Nova York aconteceu, bem como surgiu após 1 ano o movimento “FASHION REVOLUTION”.

A ideologia do Fashion Revolution é reforçar que as pessoas não podem morrer para produzir nossas roupas, sob o questionamento de #QuemFezMinhasRoupas, incentivando todos a serem curiosos, questionadores e reflexivos.

4 anos depois, e coincidentemente, a BETOPIA surgiu com a missão de quebrar os padrões e Reciclar os conceitos da moda, trazendo o foco no trabalho colaborativo, que se retroalimenta em suas parcerias, produtos com valores sustentáveis e, por fim, a reflexão ao público .

Após 7 anos da tragédia, as produções e o conceito da moda têm sofrido mudanças importantes, mas ainda longe do ideal.Temos um campo amplo e vasto para trabalhar ainda, mas seguimos fortes nos nossos ideias.

E Você? Vem junto para nos ajudar a evoluir sobre os conceitos padronizados e ultrapassados?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *